Mauá começa a aplicar a dose de reforço em pessoas com 50 anos ou mais